Compartilhar:

Começam, nesta segunda-feira (22), as inscrições para o concurso da Polícia Federal. São ofertadas 1.500 vagas, distribuídas entre os cargos de delegado, agente, escrivão e papiloscopista. Há reservas para candidatos negros e pessoas com deficiência. As inscrições seguem até o dia 9 de fevereiro. Acesse o edital.

O concurso será formado por provas objetiva, discursiva, exame de aptidão física, avaliação médica e avaliação psicológica em todos os cargos. Para a função de delegado, haverá ainda prova oral e avaliação de títulos. Já os candidatos ao cargo de escrivão serão submetidos a prova de digitação.

Todos os cargos exigem formação de nível superior. Para o cargo de delegado, é necessário ser Bacharel em Direito e comprovar ao menos três anos de atividade jurídica ou policial. Podem concorrer às funções de agente, escrivão e papiloscopista profissionais com diploma reconhecido pelo MEC em qualquer área de conhecimento.

Conforme o edital, a previsão é de que as provas objetivas e discursivas sejam aplicadas no dia 21 de março. O teste de aptidão física é previsto para 1º e 2 de maio e a avaliação médica para 5 e 6 de junho. A avaliação psicológica acontecerá em dias específicos para cada cargo, entre julho e setembro. As provas oral e prática de digitação acontecem em agosto. O resultado final do concurso deve ser divulgado no dia 30 de setembro.

O concurso será executado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e pela Polícia Federal.

Remunerações do concurso da Polícia Federal

  • Delegado: R$ 23.692,74
  • Agente: R$ 12.522,50
  • Escrivão: R$ 12.522,50
  • Papiloscopista: R$ 12.522,50
Quadro de vagas do concurso da Polícia Federal — Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + quinze =